Eric Asimov, do New York Times: “o mais interessante vinho brasileiro que já bebi”.

Era dos Ventos Espumante Peverella

Este espumante Peverella foi elaborado com 20% de uvas Peverella  deapassimento da safra 2011 (desidratadas) e 80% de Peverella da safra 2017, de vinhedo dos Caminhos de Pedra. Dois anos de autólise. Baixas doses de SO2. Vinho base, fermentado e macerado conforme vinificação tradicional do Peverella tranquilo. Álcool 12%

Mais do que um espumante laranja — o que indica que o vinho base macerou por um longo tempo com as cascas — este incrível e inusitado borbulhante traz ainda uma série de curiosidades na sua elaboração.
Para começar as uvas que lhe dão origem — todas da variedade Peverella — foram parcialmente desidratadas. Mais do que isso, elas provêm de duas safras: da 2017 e de uma longínqua 2011! Elaborado pelo método tradicional, faz um estágio de 2 anos “sur lie”.
Sua cor é um amarelo escuro, tendendo para o âmbar. Traz borbulhas numerosas e com uma boa persistência.
O aroma é intenso, mesclando damasco maduro, carambola e pomelo, com toques de chocolate branco e castanha-do-pará.
Na boca tem presença! O ataque é intenso e refrescante, mas o meio de boca traz um perfil quase aveludado. A paleta de sabores é verdadeiramente singular, unindo nuances cítricas e florais com notas minerais e resinadas.